Cruzeiro conquista o empate fora de casa e mantém vantagem

Cruzeiro conquista o empate fora de casa e mantém vantagem

Da redação

Alisson Guimarães

Cruzeiro e América iniciaram neste domingo a disputa por uma vaga na final do Campeonato Mineiro. O jogo de ida da semifinal, realizado no estádio Independência, terminou em 1 a 1. Thiago Neves marcou o gol celeste aos 22 minutos da segunda etapa, garantindo a manutenção da vantagem azul na eliminatória e a invencibilidade no estadual e na temporada.

Para o jogo de volta, a Raposa pode jogar por um empate, por ter construído uma melhor campanha que o adversário na primeira fase da competição.

Agora, o Maior de Minas vira novamente a chave e inicia nesta segunda-feira a preparação para o segundo jogo contra o São Paulo, pela quarta fase da Copa do Brasil, na quarta-feira, no Mineirão.

O jogo

A primeira chance do jogo foi estrelada, aos 11 minutos. Rafinha fez boa jogada pela direita e rolou para Rafael Sóbis. O camisa 7 chutou de primeira, mas a bola saiu à esquerda de João Ricardo.

Aos 19, nova oportunidade celeste. Ariel e De Arrascaeta fizeram boa trama pela esquerda. O uruguaio tocou para Thiago Neves que, de fora da área, mandou um petardo, exigindo a primeira grande defesa do goleiro adversário.

A resposta do time da casa veio aos 25. Blanco e Renan Oliveira tabelaram, até que o meia adversário saiu cara a cara com Rafael e chutou por cima.

Rafael novamente apareceu com destaque na partida. Aos 37, foi a vez de Renan Oliveira tocar para Blanco, que chutou forte da entrada da área, para defesa espetacular do goleiro cinco estrelas.

Bastante disputado, o primeiro tempo terminou em empate sem gols.

Segundo tempo

Na volta para a etapa complementar, o Cruzeiro voltou com uma alteração. O capitão Henrique voltou ao time e assumiu o lugar de Mayke. A mudança fez Hudson ser deslocado para a lateral direita.

O primeiro lance perigoso do segundo tempo foi azul. Em cobrança de falta, De Arrascaeta buscou o ângulo esquerdo de João Ricardo, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Aos 14 minutos, Mano Menezes promoveu a segunda alteração na equipe, com Alisson entrando na vaga do camisa 10 uruguaio.

Dois minutos depois, o time da casa abriu o placar. Após cobrança de escanteio feita por Gerson Magrão, Messias aproveitou o cruzamento no segundo poste e escorou para as redes: 1 a 0 para o América-MG.

A resposta celeste foi rápida. Aos 22 minutos, Ariel Cabral fez lindo passe para Diogo Barbosa. O lateral esquerdo celeste foi à linha de fundo e cruzou com categoria para Thiago Neves, que só tocou para o fundo do gol: 1 a 1.

A última mudança no Maior de Minas aconteceu aos 31 minutos, quando Ramón Ábila ocupou o lugar de Rafinha.

O time da casa tentou o desempate nos acréscimos. Mike desviou de cabeça no primeiro poste, mas, atento, Rafael fez excelente defesa, assegurando o empate fora de casa e a manutenção da vantagem na semifinal.

AMÉRICA-MG  1 X 1 CRUZEIRO
Motivo: Jogo de ida da semifinal do Campeonato Mineiro
Data: 16/04/2017 (domingo)
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte-MG
Árbitro: Igor Júnio Benevenuto – MG (FIFA)
Público: 4.429
Renda: R$ 76.955,00
Gols: Messias, aos 16 minutos, e Thiago Neves, aos 22 minutos do segundo tempo
América-MG: João Ricardo; Auro, Messias, Rafael Lima e Ernandes; Gustavo Blanco, Juninho, Gerson Magrão (Mike) e Renan Oliveira (Ruy); Felipe Amorim (Alex Silva) e Hugo Almeida. Técnico: Enderson Moreira
Cruzeiro: Rafael; Mayke (Henrique), Léo, Manoel e Diogo Barbosa; Hudson, Ariel Cabral, Rafinha (Ábila) e Thiago Neves; De Arrascaeta (Alisson) e Rafael Sóbis. Técnico: Mano Menezes
Cartões amarelos: Ernandes e Renan Oliveira (América-MG)

Site Oficial do Cruzeiro

Categories: Esportes

Sobre o EN

Enxada Neles

O jargão “Enxada Neles” foi criado por Ademir Santos, apresentador da TV Alterosa/SBT – Sul e Sudoeste de Minas Gerais, idealizador do Portal Enxada Neles. Ademir começou a usar esse jargão na TV como uma forma de desabafo diante das injustiças sociais que apresenta diariamente. A “enxada” representa o valor do trabalho sério e árduo de uma pessoa na busca de suas conquistas, pelo seu esforço e honestidade.Desta forma, de um modo geral e simbólico, é um símbolo do trabalho. A frase caiu no gosto popular e virou a “marca registrada” de Ademir Santos. No Portal Enxada Neles você ficará sempre bem informado sobre as principais notícias do Sul e Sudoeste de Minas Gerais, além do Brasil e do Mundo. Enxada Neles é o seu novo portal de notícias na internet!

Escreva um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos necessários estão marcados*