Governo de Minas Gerais anuncia novo espaço para centro de formação artística da Fundação Clóvis Salgado

Governo de Minas Gerais anuncia novo espaço para centro de formação artística da Fundação Clóvis Salgado

Com o objetivo de ampliar a formação em arte e cultura em Belo Horizonte e no estado, o Governo de Minas Gerais, por meio da Fundação Clóvis Salgado (FCS), apresentou na manhã desta sexta-feira (15/12) a nova unidade do Centro de Formação Artística e Tecnológica da FCS (Cefart): O Cefart Andradas.

Localizado em um espaço privilegiado na avenida dos Andradas, ao lado da Serraria Souza Pinto e próximo ao Parque Municipal e à Praça da Estação, o prédio vai abrigar algumas atividades das escolas de Artes Visuais, Dança, Música, Teatro e Tecnologias do Espetáculo, entre outras, que compõem a atual matriz curricular do Centro de Formação.


O projeto arquitetônico do Cefart Andradas (Crédito: Paulo Lacerda/FCS)

A solenidade de abertura, realizada na sede do Cefart Andradas, contou com a presença do secretário de Estado de Cultura, Angelo Oswaldo, do presidente da Fundação Clóvis Salgado, Augusto-Nunes Filho, da presidente do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha-MG), Michele Arroyo, e da assessora de gabinete da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão, Ana Paula Oliveira, representando o secretário Helvécio Magalhães, além de representantes do poder público e da sociedade civil.

Durante a cerimônia, os participantes ressaltaram a importância do Cefart como um dos principais centros de formação artística no país, além de apontarem o Cefart Andradas como um exemplo de fomento à circulação das artes e da cultura na cidade.

O presidente da FCS, Augusto Nunes-Filho, pontuou que a futura inauguração do Cefart Andradas fortalece, ainda mais, a própria Fundação Clóvis Salgado que, por meio dessa iniciativa, ganha destaque no cenário do fomento artístico e cultural. Para Augusto Nunes-Filho, o Cefart Andradas é um importante marco da atual administração. “Além de atender a antigas demandas dos próprios alunos, esse espaço vai potencializar nossa produção artística em diferentes linguagens”, comemora.

Para Angelo Oswaldo, o novo prédio se integra ao conjunto arquitetônico da Serraria Souza Pinto, outro espaço administrado pela FCS. “Com a inauguração do Cefart Andradas, e consequentemente, o início das atividades, o Governo do Estado vai fomentar ainda mais a arte e a cultura por diferentes pontos de Belo Horizonte, criando, assim, um espaço diverso, democrático e fundamental para a circulação artística em nossa cidade”, destacou o secretário.


Palhaço Amador, Augusto Nunes-Filho e Ana Paula Oliveira (Crédito: Paulo Lacerda/FCS)

O processo de aquisição do espaço se prolongou por dois anos, período em que houve uma série de pesquisas, negociações, decisões e encaminhamentos. De acordo com Ana Paula Oliveira, da Seplag, a entrega do espaço “simboliza todo o empenho do Governo de Minas Gerais para fortalecer a cultura e a educação no Estado”.

Diferentes possibilidades

O Cefart Andradas vai funcionar em um espaço diferenciado. A proposta é que, com a reforma arquitetônica, o local esteja ainda mais integrado ao corredor cultural da Praça da Estação. O prédio possui 3.300 m², distribuídos em quatro andares que, com as futuras readequações, serão utilizados como sala de aula, estúdios de dança e espaço para ensaios.

Além de abrigar as escolas de formação artística e de tecnologia do espetáculo do Cefart, o espaço, também será a nova sede do Centro Técnico de Produção – CTP, da Fundação Clóvis Salgado. O local, que atualmente funciona em Sabará, é responsável pela produção de cenários, figurinos e adereços para as óperas e outras produções da FCS.

De acordo com Vilmar Souza, diretor do Centro de Formação, a vinda do CTP para o Cefart Andradas vai integrar ainda mais o espaço. “Nossos alunos, principalmente aqueles que cursam disciplinas de Tecnologia do Espetáculo, poderão compreender ainda mais o complexo processo de produção e criação cênicas”, pontua.

Arte em percurso

Para conhecer o novo espaço, o público foi convidado a participar de uma visita. Guiados pelo ex-aluno do Cefart e estudante da Residência em Teatro da FCS, Thiago Amador, que incorporou sua personagem, o palhaço Amador, os participantes da cerimônia de inauguração acompanharam um cortejo artístico, com apresentações do espetáculo KARAR Itinerante, ocupando todos os andares do prédio e criados por alunos das escolas de dança, música e teatro. Entre vários instrumentos musicais, canções e passos improvisados de dança, o palhaço simbolizou a multiplicidade artística e o sincretismo cultural que vão sustentar as atividades da extensão do Cefart.

Categories: Minas

Sobre o EN

Enxada Neles

O jargão “Enxada Neles” foi criado por Ademir Santos, apresentador da TV Alterosa/SBT – Sul e Sudoeste de Minas Gerais, idealizador do Portal Enxada Neles. Ademir começou a usar esse jargão na TV como uma forma de desabafo diante das injustiças sociais que apresenta diariamente. A “enxada” representa o valor do trabalho sério e árduo de uma pessoa na busca de suas conquistas, pelo seu esforço e honestidade.Desta forma, de um modo geral e simbólico, é um símbolo do trabalho. A frase caiu no gosto popular e virou a “marca registrada” de Ademir Santos. No Portal Enxada Neles você ficará sempre bem informado sobre as principais notícias do Sul e Sudoeste de Minas Gerais, além do Brasil e do Mundo. Enxada Neles é o seu novo portal de notícias na internet!

Escreva um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos necessários estão marcados*