Policia Civil inaugura nova Central de Flagrantes em Belo Horizonte

Policia Civil inaugura nova Central de Flagrantes em Belo Horizonte

As unidades funcionam 24 horas por dia em todos os dias da semana e são responsáveis por receber as ocorrências de flagrante de toda cidade

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) inaugurou, nesta terça-feira (21/2), a quarta Central de Flagrantes (Ceflans) de Belo Horizonte. O objetivo é descentralizar os serviços, distribuindo igualmente as ocorrências em todas as unidades. Além disso, a nova central busca aprimorar os trabalhos, melhorar a qualidade do atendimento às vítimas e testemunhas, além de facilitar o encerramento das ocorrências pela Polícia Militar.

A unidade irá funcionar a partir desta quarta-feira (22/2) e atenderá a população de 70 bairros das regiões Noroeste e Venda Nova. A central fica na Avenida João XXIII, 287, bairro Alípio de Melo. Essa será a quarta Ceflan em funcionamento na capital.

A grande novidade dessa unidade será a implantação da sala da cidadania, que acolherá vítimas e testemunhas a fim de priorizar o atendimento. Outra inovação é a sala da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), espaço direcionado para os advogados.

As unidades funcionam 24 horas por dia em todos os dias da semana e são responsáveis por receber as ocorrências de flagrante de toda cidade.

O chefe da Polícia Civil de Minas Gerais, João Octacílio Silva Neto, agradeceu ao governador Fernando Pimentel a atenção de sempre com a PCMG. “Primeiro quero agradecer ao governador por estar sempre olhando pela Polícia Civil e dizer que é com muita satisfação que entregamos à sociedade mais uma Central de Flagrantes. Uma unidade que conta com espaços humanizados de atendimento à população”, ressaltou.

O chefe do Departamento de Polícia Civil de Belo Horizonte, Rogério de Melo Franco Assis Araújo, destacou os serviços que a unidade vai oferecer. “A Ceflan 4 contará com 45 profissionais para atender os casos de flagrante ocorridos nas regiões Noroeste e Venda Nova. Fizemos uma redivisão das áreas de Belo Horizonte para dar maior vazão às ocorrências. Acreditamos que com essa unidade o atendimento vai ficar mais eficiente e mais eficaz na capital”, explicou.

Central de flagrantes

As Ceflans foram instituídas pela Resolução 7.546 de 13 de agosto de 2013. A nova unidade foi revitalizada com acessibilidade e adaptada para dar suporte a todos os serviços que irão ser mantidos durante o dia e à noite.

Também recebeu uma revitalização de pinturas e reorganização das estruturas, com dois cartórios, um gabinete de delegado e duas salas novas, sendo uma da OAB, que recebeu o nome do homenageado Doutor Antônio Orfeu Braúna, e outra da cidadania.

A obra foi feita foi feita com recursos da PCMG. O mobiliário das salas da cidadania e da OAB contou com apoio da Caixa de Assistência dos Advogados por meio de um Termo de Cooperação.  Todas as salas estão mobiliadas e informatizadas.  A unidade terá capacidade para custodiar 20 presos.

O desembargador Wanderley Paiva agradeceu a parceria com a Polícia Civil e destacou as salas da cidadania e da OAB. “Eu agradeço essa parceria e parabenizo a PCMG pela iniciativa de criar mais uma Central de Flagrantes. Com essas duas salas que possibilitarão melhor atendimento às vítimas e às testemunhas, além de um espaço para os advogados. Temos que ser criativos e buscar parcerias para que as coisas aconteçam. Minas mais uma vez dá exemplo”, afirma.

O presidente da Caixa de Assistência dos Advogados, Sergio Murilo Diniz Braga, discorreu sobre como ocorreu a parceria. “Assinamos o Termo de Cooperação no final do ano passado e fomos trabalhando para tudo acontecer. Esse é um projeto bastante transformador com foco na melhoria do atendimento ao cidadão e que me enche de orgulho em poder participar. Esse é o primeiro passo, um projeto piloto, que tenho certeza, servirá de exemplo”, destacou.

Participaram do evento o chefe da Polícia Civil, João Octacílio Silva Neto, o chefe –adjunto, Raimundo Nonato, membros do Conselho Superior da PCMG, o desembargador Wanderley Paiva, o presidente da Caixa de Assistência dos Advogados, Sergio Murilo, e outras autoridades.

Categories: Minas

Sobre o EN

Enxada Neles

O jargão “Enxada Neles” foi criado por Ademir Santos, apresentador da TV Alterosa/SBT – Sul e Sudoeste de Minas Gerais, idealizador do Portal Enxada Neles. Ademir começou a usar esse jargão na TV como uma forma de desabafo diante das injustiças sociais que apresenta diariamente. A “enxada” representa o valor do trabalho sério e árduo de uma pessoa na busca de suas conquistas, pelo seu esforço e honestidade.Desta forma, de um modo geral e simbólico, é um símbolo do trabalho. A frase caiu no gosto popular e virou a “marca registrada” de Ademir Santos. No Portal Enxada Neles você ficará sempre bem informado sobre as principais notícias do Sul e Sudoeste de Minas Gerais, além do Brasil e do Mundo. Enxada Neles é o seu novo portal de notícias na internet!

Escreva um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos necessários estão marcados*