Vida em flor

Vida em flor

Kauany Sousa

Hoje parei para pensar como é a vida das flores. E entre um pensamento e outro vieram algumas ideias sobre como elas são . Vamos lá . A primeira coisa que pude observar é que as flores são diversificadas. Tem de todos tamanhos, todas as cores e exalam diferentes perfumes. Sempre têm o tempo determinado para desabrochar. Mas o botão que vira flor, é sempre transformado pelo encanto , a beleza e a ternura das rosas. Observei também que algumas flores carregam espinhos e nem por isso deixam de ser bonitas. Nunca vi até hoje alguém dizer que flores são feias.
Tem muitas pessoas que tem uma paixão verdadeira por flores, elas tem o gosto de cultiva-las, deixá-las perfeitas e curtir em seus jardins. Tem outras pessoas que não são muito fãs, porque dizem que flores lembram morte. Pois sempre que quando alguém morre, há flores de todos os tipos em sua volta. Mesmo não gostando muito, tenho certeza que essas pessoas acham incomparável o brilho próprio que uma flor carrega.
Dessas minhas percepções, vou fazer uma metáfora da vida real. Vamos dizer que cada um de nós somos flores, e estamos sendo plantados e cuidados para o jardim da vida. Sabia que somos diversificados? Cada pessoa tem seu jeito , seu estilo, suas ideias e pensamentos. Não há no mundo uma pessoa igual a você. Somos flores diversas, em tamanhos, cores, e cada um tem uma essência diferente.
Durante o percurso da vida temos o tempo certo para desabrochar. O que seria isso? O tempo certo para aprendermos, crescermos e nos tornamos pessoas mais sábias e maduras o suficientes para seguir o nosso próprio caminho. Termos que entender que nós seres humanos passamos por diversas fases na vida e que ela nos proporcionam aprendizados sem igual, uma verdadeiras transformação. A pessoa que um dia foi apenas botão, que tinha ideias retraídas e pequenas, pode no jardim da vida virá uma bela flor. Ter a capacidade de ser alguém na vida, bem sucedido. Basta saber lida com cada detalhe, ter ternura e sensibilidade para os desafios que a vida nos impõe.
Falando em desafios, podemos comprara-los com os espinhos de um flor. Nós estamos sujeitos a passar por dias difíceis, lutas diárias, sem falar nos defeitos que temos, ninguém é perfeito. Mas mesmo com espinhos, temos uma beleza singular, assim como as rosas.
Devemos ser como os bons jardineiros , amarmos a nossa vida, termos amor próprio, cultivamos de maneira tal que o nosso jardim será o mais bonito. E como equiparar as pessoas que não gostam de flores por causa da morte, a nossa metáfora ? Posso dizer que ela estão completamente certas. As flores não foram feitas para um ser humano morto. E sim para serem entregues em vida.
Quantas pessoas que já partiram queriam receber flores de alguém e nunca tiveram. Queriam uma forma carinhosa de dizer eu gosto de você, és especial para mim. Nós deixamos muitas vezes de lado e esquecemos que flores são muito belas para serem dadas na hora de tristeza, depois que a vida passou. Se bem que é um ato de nobreza. Mas que devemos reproduzir em celebração da vida.
Tenhamos a capacidade de cuidar do nosso jardim, tenhamos a pureza das flores, que possamos ter a sensibilidade de doar para o outro o que queremos. Que assim como as flores, saibamos florir, onde a vida nos plantar!

Categories: Colunas

Sobre o EN

Enxada Neles

O jargão “Enxada Neles” foi criado por Ademir Santos, apresentador da TV Alterosa/SBT – Sul e Sudoeste de Minas Gerais, idealizador do Portal Enxada Neles. Ademir começou a usar esse jargão na TV como uma forma de desabafo diante das injustiças sociais que apresenta diariamente. A “enxada” representa o valor do trabalho sério e árduo de uma pessoa na busca de suas conquistas, pelo seu esforço e honestidade.Desta forma, de um modo geral e simbólico, é um símbolo do trabalho. A frase caiu no gosto popular e virou a “marca registrada” de Ademir Santos. No Portal Enxada Neles você ficará sempre bem informado sobre as principais notícias do Sul e Sudoeste de Minas Gerais, além do Brasil e do Mundo. Enxada Neles é o seu novo portal de notícias na internet!

Escreva um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos necessários estão marcados*